Plus500 does not provide CFD services to residents of the United States. Visit our U.S. website at us.plus500.com.

O que são índices?

Data de Modificação: 06/08/2023

Se você já se questionou se as tendências do mercado e o sentimento dos traders podem ser acompanhados, este artigo é para si. Os investidores podem tentar avaliar esses fatores através do uso de Índices do mercado de ações.

Assim, neste artigo, examinaremos os Índices de mercado, como são calculados e os benefícios de usá-los na negociação.

O Que é um Índice do Mercado de Ações?

Índices são muito populares entre os investidores. Surgiram pela primeira vez em 1884 e estão em uso desde então. Índices de mercado são um conjunto de ações e instrumentos usados para acompanhar o crescimento ou trajetória de uma indústria ou setor. Estas ferramentas permitem-nos observar como uma parte do mercado se está a comportar para entender melhor as oportunidades de investimento junto com as flutuações do mercado. Por exemplo, o Índice Composto Nasdaq segue principalmente a trajetória das empresas de tecnologia, de modo que os traders costumam se referir a ela ao avaliar o desempenho do setor tecnológico. Outros exemplos de índices conhecidos do mercado de ações incluem, o S&P 500 (USA), DAX 40 (Germany) e FTSE 100 (UK) .Todos eles são um cesto com as maiores empresas de cada país com base na sua capitalização de mercado. Além disso, como um índice acompanha uma cesta de ações negociadas publicamente, seguindo o índice, os traders podem entender os amplos movimentos e eventos do mercado e planear melhor as suas estratégias de investimento.

Como são calculados os Índices do mercado de ações?

Existem muitos fatores que entram no cálculo e na estrutura de um índice de ações e, para entender melhor como os índices são calculados, é importante entender como eles são construídos.

Cada bolsa exige que as suas empresas listadas mantenham um alto padrão de contabilidade e relatórios públicos. Empresas como Standard & Poors (S&P), Xetra, Financial Times Stock Exchange Group (FTSE) e outras analisam esses relatórios publicados para auditar a saúde e o crescimento das empresas de capital aberto.

Uma vez compiladas, essas empresas publicam as suas análises, nas quais os investidores globais confiam há décadas. O S&P 500, o DAX 40 da Xetra e o FTSE 100 guiaram investidores de forma confiável em tempos prósperos e desafiadores, fornecendo informações honestas sobre algumas das maiores empresas do mundo.

Tomemos por exemplo o FTSE 100, que consiste nas 100 empresas com o maior valor de mercado na Bolsa de Valores de Londres, e é medido pela ponderação do valor de mercado de todas as ações dessas empresas. Portanto, empresas com maior valor de mercado exercem maior efeito no peso do índice e vice-versa.

Smartphone com Índice de Volatilidade VIX.

Preços Ilustrativos.

Posso lucrar com a negociação de índices?

Os índices sobem e descem diariamente. Calculados agrupando empresas semelhantes, os traders usam essas ferramentas como indicadores de todo o mercado ou setor para entender melhor os movimentos do mercado.

Negociar CFDs em índices significa que você pode beneficiar potencialmente de movimentos ascendentes e descendentes, dependendo da sua posição.

Por exemplo, após um anúncio da Netflix, você prevê que irá haver um efeito positivo na indústria tecnológica como um todo. Você pode abrir uma posição de compra noUS-Tech 100, na Plus500, esperando lucrar com o movimento desse índice. Se o índice realmente subir, você pode fechar a sua posição e lucrar com a diferença entre o preço de compra e o preço de encerramento. Por outro lado, se o índice cair e você encerrar a sua posição, sofrerá uma perda.

Se você prever que haverá um efeito negativo no índice, poderá abrir uma posição de venda. Se o preço realmente cair, você pode fechar a sua posição e lucrar com a diferença. Se o valor do índice subir e você fechar a sua posição, sofrerá uma perda.

Benefícios da Negociação de Índices

A popularidade dos índices de ações decorre da sua natureza multifacetada e proposital. Listados abaixo, estão alguns exemplos dos benefícios dos CFDs de índices de ações:

  • Margem inicial mais baixa com maior alavancagem: negociar CFDs em Índices significa que você obtém acesso a vários índices específicos de cada setor ou país com requisitos de margem mais baixos do que se você realmente decidir negociar um índice individual.
  • Negociar CFDs em Índices significa que você pode beneficiar de movimentos ascendentes e descendentes, dependendo da sua posição.
  • Mais exposição ao mercado: em vez de comprar ações individuais, você pode especular sobre o preço de várias ações a preços mais baixos, diversificando assim o seu portfólio e obtendo mais exposição aos ativos do mercado.
  • Cobertura de acesso mais fácil no seu próprio portfólio: negociar CFDs em Índices permite que você se proteja contra qualquer desvalorização no seu portfólio atual. Fazer isso enquanto negocia tradicionalmente, por meio da compra de um índice individual, não é tão simples e económico quanto por meio de CFDs.
  • A negociação de índices pode ser uma maneira eficaz de diversificar o risco do trader, pois oferece uma exposição mais ampla quando comparada à negociação de uma ação individual, fornecendo uma imagem maior do desempenho do mercado. Ao negociar uma ação, as flutuações no preço das ações baseam-se num grande número de fatores, como desempenho, receita e confiança na sua capacidade de produzir produtos interessantes.

Por outro lado, deve-se estar atento ao facto dos Índices poderem ser calculados de forma diferente. Por exemplo, alguns índices são ponderados pelo preço, enquanto outros são ponderados pelo valor de mercado, o que significa que você obtém avaliações diferentes ou desequilibradas para algumas empresas incluídas em diferentes índices. Além disso, negociar CFDs usando alavancagem pode amplificar amplamente os seus lucros, mas também pode amplificar as suas perdas.

Precisa de ajuda?
Suporte 24h/7d